Pesquisar este blog

Carregando...

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

A importância de mudar o passo da hélice.




O Passo da Hélice, também chamado de angulo da pá, deve ser aumentado ou diminuído de acordo com as condições de vôo.
A mudança de passo tem grande importância no vôo porque com o aumento ou diminuição do passo, aumentamos ou diminuímos a rotação do motor. A rotação do motor deve ser modificada em cada condição de vôo (Decolagem, subida e descida) para obter melhores resultados e evitar problemas, como perda de eficiência e alto consumo de combustível. (OBS.: ver as consequências abaixo).
Alem disso caso o piloto mude de uma condição de vôo para outra (EX: cruzeiro > descida ) sem alterar a manete de potencia do avião, o responsável pela velocidade constante no motor é a mudança do Passo.        Quem controla a mudança no passo é o  ´´ Governador de Hélice“

O passo da Hélice é mudado pelo piloto. Em algumas aeronaves, principalmente Turboélices, o passo é mudado automaticamente.

1) PASSO MINIMO PARA DECOLAGEM:
Com o Passo Mínimo (Angulo de Ataque da Hélice no mínimo) – a Hélice fica com o mínimo de ´´ Efeito cata-vento“…fica menos torcida. Com isso as pás da Hélice manipulam menor quantidade de ar por cada rotação. Essa menor massa de ar na hélice (Carga + leve) permite ao motor girar em alta Rotação, produzindo assim maior TRAÇÂO na aeronave . Quando a aeronave se encontra no solo, ela necessita de uma maior potencia e tração, por este motivo usamos Passo mínimo na decolagem. (Rotação do motor é aumenta)

2) AUMENTAMOS O PASSO A MEDIDA QUE SUBIMOS PARA CRUZEIRO:
A Medida que a aeronave sobe para altitude de Cruzeiro, o angulo da pá é Aumentado, ja que a tração passa a ser menor do que a requerida na decolagem. Aumentando o passo (Angulo da pá), a massa de ar manipulada é aumentada, causando assim um esforço no motor e como consequência diminuindo a rotação do motor. O aumento do passo é feito justamente para não causar uma sobrecarga no motor (aumento da rotação) e um aumento de gasolina.

3) PASSO MAXIMO EM CRUZEIRO:
O passo Maximo é usado em cruzeiro por que quando estamos em Cruzeiro, estamos em vôo nivelado ( não estamos subindo ), o que não exige muita potencia do motor (RPM).
Aumentando o Passo, maior massa de ar é manipulada pela pá da hélice, o que aumenta o esforço sobre o motor. Com uma mesma potencia, a tendência da Rotação do motor é diminuir (RPM).

4) PASSO MAXIMO NA DESCIDA (MERGULHO):
O Passo Maximo é utilizado quando a aeronave esta descendo (mergulho) porque aumentando o angulo da pá, maior quantidade de ar é manejada sobre a pá da hélice, evitando assim uma sobre velocidade (sobre carregamento do motor).

5) PQ USAR PASSO MAXIMO EM CRUZEIRO AO INVÉS DE PASSO MINIMO:
- Em cruzeiro o avião esta nivelado e já não exige muita potencia do motor (exige menos potencia do que na subida e na decolagem). Com o passo mínimo, a hélice do motor começaria a girar em alta velocidade. Isso porque a hélice com menor passo (angulo) esta menos torcida, permitindo a hélice manipular menor quantidade de ar nas pás por cada rotação e conseqüentemente exercendo uma carga mais leve no motor, o que levaria o mesmo a girar em alta rotação.

6) CONSEQUENCIA DO USO PASSO MINIMO EM CRUZEIRO:
- O limite de rotação do motor (RPM) pode ser excedido, desgastando motor mais rapidamente.
- Maior Gasto de combustível
- Em Hélices Elétricas, poderia ocorrer o DISPARO DE HELICE.
- O Aumento excessivo na ponta da pá, quando chega próximo a velocidade do som, causa “ FLUTUAÇÕES“(Vibrações) que diminuem a eficiência da hélice.

7) PQ USAR PASSO MINIMO PARA DECOLAGEM AO INVÉS DE PASSO MAXIMO:
- Caso utilizamos o passo Maximo para decolagem, a hélice manipulará grande quantidade de ar, forçando assim o motor, que diminuirá a quantidade de rotação do motor. DIMINUINDO A ROTAÇÃO DO MOTOR, A TRAÇÃO É REDUZIDA E A PISTA PODERÁ SER INSUFICIENTE PARA LEVANTAR VÔO.
RESUMO:
Aumento do Passo = Maior massa de ar manejada na rotação da hélice = Diminui o RPM
Diminuição do Passo = Menor massa de ar manejada na rotação da hélice = Aumenta o RPM
Passo Mínimo = Usado na decolagem
Passo Maximo = Usado em cruzeiro
Passo Maximo = Usado em Mergulho (descida)
* A medida que subimos, aumentamos o passo ate chegar no passo Maximo em Cruzeiro.

Tipos de Hélice
Hélice de Passo Fixo
Hélice de Passo Ajustável
Hélice de Passo Variável – Manual
Hélice de Passo Variável – Automática (“também conhecida como ´´ Passo Controlável” ou Velocidade constante“ ).










Caso alguém queira completar o tópico com alguma coisa interessante oucorrigir algum erro por favor não se acanhe em fazer sua postagem.




por Wagner Minas


Nenhum comentário:

Postar um comentário